Categorias
Críticas

Film Socialisme: liberdade, igualdade e fraternidade

Tradução comentada do texto de Arthur Mas e Martial Pisani sobre Film Socialisme (2010), de Jean-Luc Godard, publicado na Independencia.

Categorias
Palavras e imagens

Mãos

Um comentário de Agnès Varda sobre uma fotografia de André Martin de 1968, transmitido na televisão no contexto da série “Um minuto para uma imagem”, de 1983.

Categorias
Críticas

Film Socialisme: os fantasmas da alegoria

Se há alegoria em Film Socialisme, é uma alegoria espectral, como um resto ou um vestígio incorpóreo.

Categorias
Críticas

Film Socialisme: Babel

Film Socialisme propõe uma experiência babélica que abre – entre as línguas, entre as palavras e entre as imagens – um espaço de legibilidade para o mundo.

Categorias
Críticas

Logorama III: sonhos

Logorama converte o imaginário do capital, isto é, as logomarcas e os personagens a elas relacionados, em peças de um jogo de citações.

Categorias
Críticas

Logorama II: marcas

A produção francesa que ganhou o Oscar de 2010 na categoria de curta-metragem de animação lembra que as paisagens urbanas atuais estão cada vez mais tomadas por logomarcas.

Categorias
Críticas

Logorama I: paisagens

Talvez nas paisagens se tornem legíveis os sinais dos tempos: os caminhos que aram a terra são como as rugas no rosto do mundo.

Categorias
Entre-imagens

Algumas notas sobre a pulsão anarquívica

A iconoclastia é uma sensibilidade diante do mundo: o ato de rasgar deve ser considerado um lance entre outros dentro de um jogo.

Categorias
Entre-imagens

O museu imaginário

A poética do labirinto como cartografia do imaginário – não o arquivo, o anarquivo.

Categorias
Críticas

Um olhar do paraíso: o espetáculo, o melodrama e a imaginação surrealista

O potencial e a limitação de Um olhar do paraíso (2009), de Peter Jackson, residem na articulação entre melodrama e imaginação surrealista que o atravessa.

Categorias
Críticas

O Mundo: Jia Zhangke e o espaço da incomunicabilidade

“Dê-nos um dia e lhe mostraremos o mundo” é a promessa do World Park de Pequim, cujo espaço se converte, no filme O Mundo, em alegoria da globalização.

Categorias
Resenhas

In and out of ourselse: resenha do livro Out of our minds

Review of the book “Out of our minds: reason and madness in the exploration of Central Africa”, by Johannes Fabian, published in a thematic issue of Ilha do Desterro, “On foreign land: ideologies and travel discourse”, edited by Renata M. Wasserman and Sandra Regina Goulart Almeida. [Resenha em inglês do livro “Out of our minds: […]

Categorias
1001 filmes

Bastardos Inglórios: o cinema e a (re)escrita da história como jogo e como festa

Bastardos Inglórios desloca o imaginário cinematográfico sobre o nazismo, por meio da (re)escrita da história como jogo e como festa.

Categorias
Artigos

Tarzan, un noir

RIBEIRO, Marcelo Rodrigues Souza. Tarzan, un noir: pour une critique de l’économie politique du nom «Afrique», Vibrant, v. 6, n. 1 p. 65-90, janeiro e julho de 2009. Résumé: Depuis 1912, innombrables textes – romans, radio shows, bandes dessinées, séries de télévision, films – ont produit et articulé représentations de l’Afrique dans histoires dont le […]

Categorias
1001 fotografias

A grande onda (1857), de Gustave Le Gray

As imagens que Gustave Le Gray realiza em Sète, na década de 1850, revelam uma disjunção no cerne do instantâneo fotográfico, que nasce como montagem.